O que é reputação de email e como impacta no desempenho de suas campanhas de marketing

Ícone Ideal Marketing

Por:

Publicado: 13 de junho de 2022 | Atualizado: 14 de junho de 2022.

A reputação de email é uma métrica de pontuação que os Fornecedores de Serviços Internet (ISPs) atribuem ao domínio com base no histórico dos disparos. Entenda mais sobre o que é e como melhorar.

O email marketing é um dos canais de divulgação online mais utilizados pelas empresas. Isso porque mesmo com todos os avanços e novas plataformas, ele ainda é um dos meios mais baratos e com melhores resultados.

No entanto, esse não é um recurso nada simples de ser trabalhado. Para evitar spams e outras perturbações, os serviços de email criaram diversos recursos e métricas para avaliar a relevância dos disparos.

É aí que entra a reputação do email! Ela é uma pontuação atribuída por esses serviços para classificar os domínios com disparos mais relevantes e adequados aos usuários.

Quer entender melhor sobre o que é a reputação, como ela é avaliada e qual o impacto no desempenho de suas campanhas? Tudo que você precisa saber está neste conteúdo.

O que é reputação de email?

o que é reputação de email

Quando falamos em reputação de email falamos sobre uma pontuação atribuída por serviços de email ao domínio remetente do disparo.

Ou seja, seja o Gmail, Outlook ou outros, esses serviços verificam métricas e histórico para determinar a relevância e confiabilidade do domínio.

Esse pontuação leva em consideração fatores como:

  • frequência de disparos;
  • quantidade de disparos;
  • blacklists;
  • taxas de abertura e respostas;
  • taxas de rejeição;
  • bounce;
  • opt-in.

Em outras palavras, é o sucesso do desempenho anterior que determina a boa reputação. Consequentemente, o retrocesso de bons resultados influencia nos disparos futuros.

Como a reputação é prejudicada?

Se a reputação de email nada mais é que o histórico de boas práticas é óbvio e fácil de entender que o que a prejudica são más práticas e configurações nas campanhas.

Mas quais são, afinal, essas más práticas e problemas? Elas podem estar relacionadas ao IP usado no disparo ou mesmo ao domínio remetente das campanhas.

Bounce

Bounce é o termo utilizado para nomear diversos tipos de erros ou rejeições na entrega de um email. Em tradução livre, Bounce significa algo como “quicar”, ou seja, o email só “bateu e voltou”.

Os bounces são divididos em duas categorias, o soft e o hard. Sendo o segundo mais grave que o primeiro.

Soft bounce é o erro ou rejeição de entrega de caráter temporário. Pode ser causada por problemas do servidor, do provedor ou simplesmente pela caixa do destinatário estar cheia.

Já o hard bounce é um erro permanente que acontece quando o destinatário do email não existe.

Spam Report

Quando um usuário reporta o email recebido como spam, isso é chamado de Spam Report. É assim que ele sinaliza ao provedor do email que não tem interesse nas mensagens daquele remetente.

Quando falamos de campanhas de marketing, alguns spams reports são comuns. Por isso, é importante fazer uma boa gestão da base de leads e limpar esses contatos periodicamente.

Isso porque, os números de denúncias prejudicam em muito a reputação do domínio e do IP de disparo. Além de ser um desperdício de esforço e dinheiro.

Blacklists

Blacklists são bancos de dados que reúnem domínios ou IPs com má reputação. A tradução ajuda a entender, são as “listas negras”.

São várias as formas que um IP pode acabar em blacklist, desde inserido manualmente por um usuário insatisfeito ou quando um disparo é realizado para spam traps (endereços de email criados para “pegar” envios indevidos).

Porém, é bastante simples evitar as blacklists. Basta seguir as boas práticas de email marketing, contatando apenas leads interessados com opt-in.

Certificados do domínio

Outro aspecto verificado pelos servidores são os certificados e mecanismos de autenticação de domínio e IP.

Isso porque, são esses recursos que auxiliam a comprovar a autenticidade do envio, evitando golpes e ataques.

Essas autenticações são:

  • SPF (Sender Policy Framework): código verificado pelo servidor que recebe a mensagem diretamente no DNS (Domain Name System);
  • DKIM (Domain Keys Identified Mail): tem função semelhante ao SPF, mas funciona por meio de duas chaves, uma privada do servidor de saída e outra pública na assinatura do email;
  • DMARC (Domain-based Message Authentication, Reporting and Conformance): esse recurso é um facilitador para garantir a autenticidade, ele padroniza essa verificação e sinaliza configurações adequadas aos servidores.

Garantir que essas autenticações estejam devidamente configuradas e que seu domínio seja devidamente autenticado é essencial para a boa reputação de email.

Ferramentas úteis para a reputação de email do seu domínio

Manter uma boa reputação pode ser um verdadeiro desafio. Entre tantas configurações, práticas e certificados necessários, quem trabalha com a estratégia precisa contar com alguns recursos.

Por isso, é importante saber as ferramentas que podem auxiliar nesta tarefa.

Mail Tester

O Mail Tester é uma ferramenta de avaliação dos emails. A partir de um disparo de teste feito para um endereço fornecido, ele avalia todos os aspectos do seu email e atribui uma nota de 0 a 10.

Sender Score

Outra ferramenta útil, o Sender Score é um avaliador gratuito de credibilidade de um domínio de disparo de emails.

Sendgrid

Sendo um dos principais disparadores de email do mercado, o Sendgrid oferece ao usuário uma avaliação de reputação de email. O cálculo é feito a partir do histórico de envios realizados na plataforma.

Ideal Marketing

Na Ideal Marketing, contamos com um criador de emails drag and drop com uma série de templates de eficiência testada em campanhas de email marketing.

Como melhorar a reputação de email?

email

A boa reputação pode ser conquistada seguindo boas práticas e utilizando os recursos adequados.

Para isso, separamos algumas dicas que podem ajudar.

Duplo opt-in

Opt-in é o termo usado para nomear a permissão concedida pelo usuário para receber emails de uma campanha. Essa permissão pode ser simples ou dupla.

Segmentação de leads

Segmentar leads por interesses ou comportamento é uma forma de garantir maior assertividade nos disparos. Isso porque a segmentação permite separar os mais engajados ou mesmo entender o melhor conteúdo ou horário de disparo.

Periodicidade

Por falar em horários, podemos destacar a periodicidade como dica importante para a reputação de email. Manter disparos em uma constância aumenta a confiabilidade não só dos servidores, mas também dos contatos de campanha.

Relevância

Não existe forma melhor para avaliar o interesse dos usuários que o engajamento, tenha certeza que os servidores usam essa métrica. Por isso, faça dos seus envios algo relevante para garantir altas taxas de abertura e leitura.

Automação

Ferramentas de automação são um recurso para amarrar todas as dicas anteriores. Elas simplificam e muito o trabalho com email marketing.

Crie campanhas de email de boa reputação e desempenho

Neste conteúdo, entendemos que a reputação do email nada mais é que uma avaliação do domínio e IP de disparo feita pelos servidores. Isso porque essas ferramentas têm interesse em garantir a melhor experiência para seus usuários.

Para garantir a boa reputação, falamos das dicas e erros mais comuns. Agora você já sabe o que deve ser evitado e o que precisa ser feito em suas ações de disparo.

Seja nos recursos de autenticação ou na garantia do conteúdo relevante, o importante é ter sempre o interesse em ajudar os usuários e preservar sua privacidade.

Quer saber mais sobre marketing digital, gestão e vendas? Continue lendo o blog da Ideal Marketing e se cadastre na nossa newsletter.