Aprenda como criar um canal no YouTube para sua empresa bombar na web!

//Aprenda como criar um canal no YouTube para sua empresa bombar na web!

Por: | Publicado: 26 de março de 2018 | Atualizado: 6 de maio de 2019.

Quem sabe como criar um canal no YouTube deve usar isso a favor da empresa na hora de investir em comunicação, principalmente agora que os vídeos se tornaram uma tendência! O YouTube aproxima sua empresa dos clientes de uma maneira tão eficiente quanto a junção de uma cesta e o Michael Jordan.

Em uma transação de US$ 1,65 bilhões de dólares, o Google comprou o YouTube em outubro de 2006.

Desde o início a plataforma de vídeos despontava para o sucesso entre jovens e adultos, e quando os canais começaram a surgir, houve uma onda de sucesso!

Mas, desde 2015, os canais do YouTube apresentaram uma crescente no número de inscritos.

De lá para cá já foram mais de 1 bilhão de visualizações nos canais da plataforma.

Porém, o mais intrigante é que só agora os empresários começaram a usá-la em seus negócios.

Por isso separamos um conteúdo digno de likes para você que procura saber como usar a plataforma de vídeos mais famosa do mundo a favor da sua empresa.

[E-Book Grátis] Como fazer vídeos de qualidade para seu negócio

Mas antes de entrarmos de cabeça nesse conteúdo, vamos falar um pouco sobre o tráfego do seu site?

Nossos especialistas criaram um material detalhado sobre como aumentar o tráfego de qualquer site em 4 semanas, isso mesmo!

Além de tudo, este material é gratuito! Pois é, aposto que seu bolso gostou dessa informação não é mesmo?

Mas vamos voltar a falar sobre o nosso texto.

Dê uma olhada neste artigo e encontre um passo a passo completo!

Conheça a diferença entre uma conta e um canal

Para começarmos a entender como criar um canal no YouTube, é importante saber a diferença entre ter uma conta e ter um canal na plataforma.

Uma conta no YouTube se resume a uma senha de usuário, o que significa que ao criar uma conta no Gmail você também terá acesso aos demais produtos do Google, como o próprio YouTube.

Mas existe uma boa diferença entre canal e conta no YouTube.

Em uma conta você pode seguir canais de outras pessoas que você gosta, perfis de segmentos que mais despertam o seu interesse.

Além disso, com uma conta simples na plataforma você também pode criar e subir vídeos, no entanto não consegue monetizar, ou seja, ganhar dinheiro com eles.

No caso do canal, você é o criador do conteúdo que outras pessoas seguirão, ou seja, você possui mais “poderes” dentro do YouTube.

Isso sem falar na segurança que ter o canal oferece e na possibilidade de ganhar dinheiro com os vídeos.

Vamos supor que você começou a criar vídeos para divulgar sua empresa no YouTube, antes mesmo de criar um canal.

Depois de um tempo seus vídeos começaram a fazer muito sucesso e você chama outra pessoa para te ajudar a gerenciar a conta.

Você decide passar a senha da sua conta para esse amigo ou colaborador e depois de algum tempo este “amigo” briga com você por algum motivo e resolve se vingar apagando seus vídeos e excluindo sua conta no Google.

Seu perfil, seus vídeos, dados importantes e documentos armazenados somem. Tudo por que você passou a sua senha da conta para essa pessoa.

Se você tivesse um canal isto nunca teria acontecido!

Isso por que no canal você não precisa dar sua senha para ninguém, já que o ambiente dos canais oferece a opção de adicionar administradores.

Um administrador tem acesso ao seu canal para incluir conteúdo, editar vídeos e até mesmo excluí-los.

No entanto, essas coisas só podem ser feitas com a permissão do proprietário do canal.

Desse modo o administrador precisa pedir autorização para realizar qualquer modificação no canal.

Aos administradores você poderá incluir gerentes de contas, que são níveis mais altos de permissão para modificar qualquer coisa no canal.

“Permissões?”

Bom, dentro do canal é possível dividir os “cargos” de cada administrador da seguinte forma:

  • Proprietário – acesso total;
  • Administradores – acesso restrito a autorização;
  • Gerente de comunicação – acesso à edição e postagem sem necessidade de autorização.

Cada um desses cargos possui suas limitações ou privilégios dentro do canal e tudo passa pela autorização do proprietário.

Ou seja, só o canal na plataforma poderá te oferecer a segurança e o retorno que você merece por criar bons conteúdos.

Com isso, com o canal na plataforma, o exemplo que contamos no início sobre a briga dos amigos não acontecerá com você!

Bem, agora que você já sabe qual a principal diferença entre conta e canal no YouTube, vamos entender um pouco melhor sobre por que criar canal na plataforma.

Por que criar canal na plataforma?

Por que criar um canal no YouTube

Pesquisas apontam o YouTube como a 3ª rede social mais utilizada entre as empresas.

Nos Estados Unidos, 61% das organizações utilizam a plataforma para divulgação e interação com clientes.

E como já dissemos antes, o YouTube é uma plataforma que está em constante mudança. Isso só reforça a ideia de que ele desempenha um papel muito importante dentro do mercado empresarial.

Por isso é importante saber como criar um canal no YouTube para estar preparado no mundo on-line.

A grande maioria dos acessos ao YouTube vem de plataformas mobiles (smartphones e tablets).

Isso só mostra o quanto você perde sem ter o canal, afinal, o seu cliente pode estar recebendo conteúdo dos concorrentes pelo celular e você continua esperando.

Além disso, o YouTube é um sucesso na internet porque oferece integração com uma série de outras plataformas de diferentes nichos.

Você pode usar os vídeos da plataforma em blogs como WordPress e Blogger. Também existe a integração com as redes sociais mais usadas no Brasil e no mundo.

Consegue enxergar aqui uma excelente chance para criar canal na plataforma para sua empresa? Nós conseguimos!

Antes disso, pense no seu modelo de negócio e em qual é o seu cliente ideal para começar a saber como criar um canal no YouTube. Faça algumas perguntas a si mesmo:

  • Seu público está no YouTube?
  • Ele consome vídeos?
  • Empresas do seu ramo estão na plataforma?

Se a resposta for “sim” para todas, você já pode criar uma conta para este tipo de modelo de mercado.

É simples: você possui conteúdo que interessa ao seu cliente?

Se sim, o que você ainda está fazendo que não tem o seu canal no YouTube?

É algo fácil de fazer e pode trazer uma série de vantagens para sua empresa. Afinal, sozinho ninguém vai a lua.

O seu público-alvo pode estar carente de produção audiovisual ou até mesmo sentindo falta de uma opção de vídeos do seu nicho de mercado dentro do YouTube.

Aposte as fichas em criar canal na plataforma e veja o quanto você pode ampliar a lista de potenciais clientes para sua empresa.

Como você já conhece a diferença entre conta e canal na plataforma, já sabe o porquê de usá-la para sua empresa.

Vamos agora falar um pouco sobre como criar um canal para sua empresa.

[E-Book Grátis] Aprenda de uma vez por todas como vender nas redes sociais

Como criar um canal no YouTube grátis?

1. Crie uma conta

Para saber como criar um canal no YouTube é necessário ter uma conta no Google.

Ao abrir a página de criação de contas, preencha o formulário com os dados da sua empresa.

Tenha em mente que essas informações serão usadas para todos os produtos ligados ao Google, como Gmail, Google Fotos, Google Maps, Google Play etc.

Depois de preencher o formulário com os dados da empresa, acesse a página inicial do YouTube e clique em “Fazer login” no canto superior direito.

Criar uma conta

Ao fazer seu primeiro login você será conduzido à uma página de configurações da sua conta.

2. Crie o canal

Depois de entender como criar um canal no YouTube, na parte de baixo da página você vai encontrar uma seção chamada “Criar um novo canal”.

Você entrará em uma página para colocar o nome do seu novo canal ou o nome da empresa.

Depois de definir os nomes clique em “Criar”.

Crie um canal no YouTube

3. Defina administradores

Como nós já dissemos, nesse tipo de conta existe a possibilidade de ter alguns administradores e gerentes.

É uma alternativa segura e muito eficiente para quem pretende trabalhar com criação de conteúdo.

Pronto! Criou sua conta, mas o trabalho não acaba aqui!

Agora que você já entendeu como criar um canal no YouTube, vamos personalizar o canal da sua empresa.

Personalizando o canal da sua empresa

Personalize seu canal

Agora que você acabou de entender como criar um canal no YouTube grátis, chegou a hora de personalizar seu canal para deixá-lo com a cara da sua empresa.

Adicione uma arte ao seu canal

Você pode selecionar a imagem de capa do seu canal (assim como no Facebook) do seu computador ou pode criar uma arte específica para isso.

É importante ficar atento ao tamanho máximo dessa arte que é de 2560 x 1440 pixels.

Nunca escolha essa imagem de forma aleatória, pois o banner é a primeira coisa que o usuário encontra quando acessa seu canal e você precisa ser bem representado por suas imagens.

Por isso, cuide muito bem dessa parte visual e tome muito cuidado com o que for colocar.

Você precisa por a imagem de perfil, não é?

O YouTube chama de avatar (não, não tem nada a ver com o filme).

Use uma simplificação do logo da sua empresa, pois o avatar é a foto de perfil da sua conta.

Crie uma descrição para o canal da sua empresa

Clique no botão “Adicionar descrição” e use o campo de texto para apresentar aos usuários uma visão geral do que as pessoas vão ver em seu canal.

Fique atento porque são até mil caracteres para a descrição!

Bem, se você entendeu como criar um canal no YouTube e como personalizar sua capa, vamos para a parte do “faz-me rir”, ou seja, como conseguir monetizar os seus vídeos.

Como ganhar dinheiro no YouTube?

Como ganhar dinheiro no YouTube?

Você com certeza já ouviu uma série de pessoas dizendo que ganharam dinheiro e fizeram a vida com vídeos na plataforma, o que mostra que provavelmente essas pessoas aprenderam logo cedo a como criar um canal no YouTube.

Sim, você também pode ganhar um dinheiro muito legal com vídeos no YouTube.

Já pensou na hipótese de investir tão bem na criação de conteúdo que o YouTube começa a te pagar para gerar mais vídeos?

Esse ganho é chamado de monetização para um criador de conteúdo da plataforma. Mas existem algumas regrinhas para isso.

Você já sabe como criar um canal no YouTube, mas como funciona a parte de monetização do YouTube?

Como funciona a monetização no YouTube?

A monetização acontece quando os criadores de conteúdos seguem algumas regras para fazer parte do YouTube Partner Program (Programa de Parceiros do YouTube).

Até 2017 um dos principais requisitos para ganhar dinheiro no site era ter no mínimo 10 mil visualizações nos vídeos.

Os canais que utilizam o canal na plataforma grátis permitem que anúncios sejam veiculados antes, durante e até mesmo depois da reprodução dos vídeos.

E, caso o usuário clique no anúncio, o proprietário pode ganhar um pouco mais.

Em janeiro de 2018, o YouTube anunciou que as regras para monetizar os vídeos na plataforma mudariam.

E mudaram muito!

Os criadores de conteúdo precisam seguir regras um pouco mais rigorosas para conseguir ganhar dinheiro por meio do programa de parceiros do site.

Agora, para ter anúncios veiculados em seus vídeos, os donos de canais precisam ter pelo menos 4 mil horas de visualizações nos últimos 12 meses. Além de ter, no mínimo, 5 mil inscritos.

Para as empresas, que normalmente não monetizam seus vídeos, isso não muda muita coisa.

A menos que você tenha interesse de que o canal da sua empresa faça parte do programa de parceiros do site.

Excelente!

Já sabemos como criar um canal no YouTube e como monetizar os vídeos postados, por isso é chegada a hora de investir na qualidade dos conteúdos criados para a plataforma.

[E-Book Grátis] Marketing no Facebook para iniciantes

Aproveite a plataforma de entretenimento amiga dos negócios!

O YouTube é a maior plataforma de upload e reprodução de vídeos da internet e, justamente por isso, é importante para sua empresa ter o canal em uma das redes sociais mais usadas do Brasil.

A plataforma ajuda a aproximar clientes de empresas, divulgar novidades, promoções, festivais e até mesmo novas oportunidades de trabalho na empresa.

É uma plataforma na qual é possível trazer à tona coisas muito interessantes sobre o seu negócio funcionários, ambiente de trabalho, novos produtos ou novos serviços oferecidos, além de uma série de outros informes.

Agora que você sabe como criar um canal na plataforma e que é importante entender a diferença entre criar o canal na plataforma e como criar uma conta no YouTube, aproveite um tempo e converse com seus funcionários de marketing para começarem a pensar em conteúdos de qualidade para um canal da sua empresa.

Não perca para o seu concorrente e invista o máximo de criatividade na geração de conteúdo para o YouTube e veja sua empresa ficar ainda mais conhecida na web.

2019-05-06T14:42:46-03:00

2 Comments

  1. […] para essa divulgação eles seguem o passo a passo de como criar um canal no Youtube, o qual inclusive já ensinamos […]

  2. […] Isso porque nesse passo basta fazer login na sua conta do Gmail ou criar uma caso não tenha ainda, aliás aprenda aqui como criar um canal no YouTube. […]

Deixar Um Comentário

Diagnóstico gratuito do seu marketing

Descubra agora como está o Marketing Digital do seu negócio e como aumentar seu potencial de vendas

Quero um diagnóstico