Quer apostar em anúncios na internet? Antes de tudo, saiba o que é CPC, CPM, CPA e aprenda a calcular o seu sucesso!

Quer apostar em anúncios na internet? Antes de tudo, saiba o que é CPC, CPM, CPA e aprenda a calcular o seu sucesso!

Ícone Ideal Marketing

Por:

Publicado: 7 de março de 2018 | Atualizado: 5 de julho de 2019.

Está sem tempo de ler agora? Baixe este conteúdo e acesse offline

O que é CPC, CPM e CPA? Se você pensa em investir em anúncios na internet, conhecer e saber aplicar ao seu negócio, o cálculo dessas siglas é fundamental para medir o sucesso do seu negócio.

o que é cpc

Se você pensa em anunciar em algum site, blog, rede social ou até em mecanismos de busca, como o Google, é extremamente importante estar por dentro deste tema.

Afinal, trata-se da precificação de uma ação, ou seja, a forma de pagamento mais adequada a seu negócio.

Mas e aí, qual a diferença entre as três alternativas para apostar em anúncios na internet?

Abaixo vamos falar um pouco de cada uma das opções, assim você irá entender com muito mais facilidade o que é CPC, CPM e CPA.

Mas o que é CPC?

Você ainda deve estar se perguntando o que significa CPC.

Esta sigla quer dizer custo por clique, ou seja, você só paga pelo anúncio quando ele é acessado pelo usuário.

Ao aprender o que é CPC, você notará que trata-se de um formato ideal para negócios com necessidade de identificar os números exatos de pessoas que interagem com sua ação.

Para isso, basta acessar os números de tráfego no ambiente selecionado para seu anúncio CPC e observe a quantidade de usuários que clicaram em sua campanha.

A partir desse resultado você pode avaliar a assertividade da ação.

Mas estes anúncios podem gerar milhares de cliques, não acha? Isso é bom, mas e se você não puder pagar por todos eles?

Tenha calma. Também existe uma forma de controlar o custo de cada ação em sua estratégia de CPC.

Ao iniciar uma campanha CPC, você pode estabelecer uma meta de cliques desejados e calcular o custo da sua ação previamente, por meio do CPC médio.

Depois de chegar na quantidade de cliques definidor para sua campanha CPC, seu anúncio é retirado do ar.

As plataformas que trabalham com CPC disponibilizam este cálculo para facilitar a vida do anunciante, pois informa o valor de investimento antes mesmo de pôr a campanha no ar.

Exemplo:

Se você possui um e-commerce e utiliza o CPC, todas as pessoas que acessarem seu site lhe renderão algum custo previamente definido – mesmo não efetuando uma compra.

Ou seja, se 50 pessoas encontrarem seu material na web e apenas uma comprar ou realizar qualquer tipo de ação desejada, você pagará por todas elas.

Entendeu o que é CPC? Agora faça o cálculo com a equação a seguir e veja o custo de cada clique:

o que é cpc

Este modelo de anúncio CPC é utilizado no Google AdWords na compra de palavras-chave, por exemplo.

O que é CPC otimizado?

Depois de aprender o que é CPC, talvez você se depare com esta alternativa: o CPC otimizado ou ECPC.

Trata-se de uma estratégia para ajustar seu custo por clique, auxiliando o aumento de conversões.

O CPC otimizado combina seu lance manual com uma estratégia de lances inteligentes e, quando possível, aumenta os números definidos lá no início para cada clique no seu anúncio.

Mas isso ocorre apenas quando há uma chance maior de venda ou conversão em seu site.

Para não ficar no prejuízo, o lance de CPC definido no início também é reduzido quando as chances de conversão são menores.

Segundo o Google AdWords, o CPC otimizado pode aumentar seus lances em até 30% quando há uma probabilidade de ocorrer uma conversão.

Este lance pode ser diminuído quando as chances de conversão forem baixas.

O CPC otimizado funciona com base no histórico de conversões da sua conta. Por isso é importante ter o acompanhamento de conversões ativo.

Entendeu o que é CPC otimizado? Siga este passo a passo e ative:

  • Abra sua conta no Google AdWords;
  • Clique na opção “campanhas”;
  • Selecione a campanha desejada no canto superior esquerdo da sua tela de configurações;
  • Clique em “Todas as configurações”;
  • Depois em “Estratégia de lances”;
  • Editar;
  • Ativar CPC otimizado.

Para facilitar, veja a ilustração abaixo para ativar o CPC otimizado:

o que é cpc otimizado - passo a passo
o que é cpc otimizado - passo a passo
o que é cpc otimizado - passo a passo

Gostou de saber o que é CPC otimizado? Agora salve sua campanha e comece a usá-la.

O que é CPM?

Pronto, você já aprendeu o que é CPC e agora saberá o que significa CPM – Custo por Mil Impressões.

Para você não ficar com nenhuma dúvida quanto a esta sigla, saiba que quando um anúncio possui mil impressões, é o mesmo que ser visualizado por mil pessoas.

Para apostar em ações com esse formato de precificação, é preciso anunciar em sites com um grande volume de tráfego.

Por isso costuma ser utilizado somente em grandes blogs e portais de notícias, por exemplo.

Geralmente, estes anúncios ficam expostos nas barras laterais ou em formato de banner publicitário no topo dos sites.

Veja o exemplo da anunciante Skol, no topo do site globo.com:

o que é cpm - exemplo

Estes anúncios podem ser encontrados em formatos diferentes. Talvez você se depare com alguns estáticos, dinâmicos e, em alguns casos, até mesmo sonoros.

Você certamente já trabalhou com várias abas simultaneamente e, do nada, surgiu um barulho, não? Sem saber de onde vinha, viu aba por aba para localizar.

Ao abrir essa página barulhenta, você se depara com um anúncio em áudio logo no topo da tela.

Este é um tipo de anúncio CPM.

Ao optar por este formato, lembre-se de relacionar o orçamento disponível com o tempo levado para alcançar as mil impressões dentro do canal escolhido.

Resumindo, você já sabe muito sobre o que é CPM e já deve ter notado: quanto mais recursos e mais visível for o espaço do anúncio, maior será o valor do CPM da sua ação.

Exemplo: você anunciou no globoesporte.com, um site com milhares de acessos diários, ou seja, muitos de usuários visualizam sua marca em questão de algumas horas.

Para manter sua empresa destacada por um tempo maior, é preciso ter um valor considerável para o formato de anúncios CPM.

Portanto, já prepare o bolso, mas espere um bom retorno.

Como apontamos logo no início do tópico sobre o que é CPM, esta precificação é por visualizações. Por isso, mesmo o usuário não clicando em sua campanha, você será cobrado.

Esta estratégia, por exigir um investimento maior, é indicada à empresas de médio e grande porte, pois normalmente elas já possuem uma estrutura de marketing e uma estratégia bem definida.

Veja como calcular esta precificação:

o que é cpm

Embora a precificação CPM gere bons resultados, o custo dela sempre será maior comparada às demais opções.

Por isso não a indicamos a empresas de pequeno porte.

E o que é CPA?

Depois de entender o que é CPC e CPM, chegou a hora de falar o que significa CPA – custo por aquisição, a última alternativa de precificação para seus anúncios em ambiente digital.

Para iniciar uma campanha CPA, o Google AdWords exige alguns requisitos com base no seu histórico de campanhas, como um número mínimo de conversões, por exemplo.

Trata-se de uma métrica semelhante ao CPC otimizado, citado logo no início do material. É uma estratégia de lances flexíveis.

A função do CPA é conseguir um custo por conversão menor para seu anúncio.

Exemplo:

Vamos supor que cada clique custa 1 real.

Se você conseguiu 10 cliques em uma campanha e apenas um deles realmente foi convertido, seu custo de conversão será de 10 reais. Porque a cada 10 cliques apenas 1 foi convertido.

E aí está o trabalho do CPA: ele ajuda a desenvolver estratégias para reduzir esse custo de conversão.

A partir do momento que você configura uma campanha, o Google pode modificar os seus lances automaticamente e também as suas palavras-chave.

Mas quando o usuário encontrar seu anúncio e entrar no seu site, mesmo ele não sendo convertido, você pagará por isso.

Você ainda continua sendo cobrado pelo valor do CPC. O CPA é apenas uma estimativa de quanto seria o custo ideal que você define para o Google previamente.

Seguindo com o mesmo exemplo:

Você percebeu que o seu custo está na faixa dos 10 reais, mas acha ele muito alto e quer mais ou menos 8 reais. Aí você pode configurar seu CPA para este valor.

Mas ainda assim o Google pode dizer que este valor não é indicado e aponta 9 reais como o ideal.

Vale destacar: isso não quer dizer que após gastar 9 reais você terá uma conversão.

O Google vai fazer estratégias, mas ainda assim depende da qualidade da sua campanha. Ele não garante nenhuma conversão.

O Google vai apenas traçar uma estratégia e irá mexer em alguns pontos do seu anúncio.

Ele pode ajustar suas palavras, mexer no seu posicionamento, o horário de exibição, a frequência dos seus anúncios, etc.

São feitas diversas otimizações na campanha para conseguir uma conversão melhor.

Mas lembre-se: você definiu 9 reais como conversão máxima e assim será.

Portanto, não se confunda. Você não paga pelo CPA, ele é apenas uma métrica de valor limite a ser investido em uma ação. O pagamento sempre será feito por cada clique em seu anúncio, ou seja, o CPC.

Este formato pode ser calculado com a seguinte equação:

o que é cpa

Esta opção de precificação é indicada a empresas com uma cartela de clientes ampla. É preciso considerar o alto custo da aquisição e comparar com os outros modelos.

CPC, CPM ou CPA? Descubra o melhor para seu negócio e não perca tempo!

Gostou de aprender o que é CPC, CPM e CPA? Não é muito melhor investir em anúncios com mais de uma forma de precificação?

Após finalizar o estudo e entender o que é CPC e as demais opções, você provavelmente passará a considerar uma forma de anúncio mais fácil, quando comparada às alternativas tradicionais como comerciais de TV, por exemplo.

A escolha da precificação, como pôde notar, vai muito de acordo com seu objetivo e com o valor disponível para investimento.

Mas todos podem investir em um formato mais adequado ao seu negócio, basta saber organizar as finanças.

Além disso, é preciso escolher um canal que realmente conta com a audiência do seu público, afinal, nós queremos falar com quem já tem interesse em nossos serviços, não é mesmo?

Pronto! Você já sabe o que é CPC, CPM e CPA. Não perca tempo e escolha a melhor opção para seu negócio!

2019-07-05T14:02:40-03:00

Comente o que achou do conteúdo!

  1. […] Além disso, você também consegue economizar pois ao ter visibilidade orgânica, isto é, de forma natural, elimina-se a necessidade de pagar por cliques, o famoso CPC. […]

  2. […] para saber mais sobre o que é CPC, confira nosso artigo o […]

  3. […] com isso, além de atrair mais visitas de forma natural, ou seja, sem ter que pagar por cliques (CPC) esses visitantes têm mais chances de se tornarem seus clientes efetivos, afinal a primeira imagem […]

  4. […] se você quiser saber mais sobre o que é CPC e todas essas métricas, confira o nosso guia completo sobre o […]

  5. […] Aliás, confira nosso conteúdo e saiba mais sobre o que é CPC. […]

  6. […] antes de qualquer coisa, utilizar algumas outras métricas de cálculos, como por exemplo o CPC, CPM, CPA para saber mais sobre essas métricas acesse nosso conteúdo e tire suas […]

Deixar Um Comentário

Diagnóstico Gratuito do seu Marketing