Marketing Regionalizado: o que é e como ele pode impulsionar as vendas do seu comércio

Ícone Ideal Marketing

Por:

Publicado: 23 de maio de 2022 | Atualizado: 24 de maio de 2022.

Marketing regionalizado é uma estratégia que você ainda não utiliza? Então sentimos em te dizer que está perdendo vendas, sabe porquê? É isso que vamos te esclarecer abaixo! 

Entre os 4 p’s do marketing, a praça marca presença. Isso porque o local de venda ou atendimento de um produto ou serviço é determinante para seu sucesso ou fracasso total.

Se é fato que a “praça” é assim tão importante também é verdade que saber trabalhar de acordo com a localidade alvo da sua empresa é essencial para estratégias de marketing. É aí que entra o marketing regionalizado.

Por meio dessa estratégia é possível aumentar a assertividade de suas campanhas ao atingir o público certo da forma mais eficiente possível. Seja no tradicional ou no marketing digital, segmentar e adaptar vai revolucionar seus resultados.

Ficou interessado? Neste conteúdo falamos tudo sobre o marketing regionalizado: o que é, quais seus benefícios e como botar em prática. Confira!

Você sabe o que é marketing regionalizado?

De forma mais geral, o marketing regionalizado é entendido como uma estratégia de marketing direcionada a alguma região específica.

Na prática, isso significa anunciar em espaços de mídia capazes de atingir regiões específicas e apenas elas. Não só isso como também uma adaptação da linguagem e dos ativos da campanha para a realidade e necessidades das pessoas daquela região.

Em outras palavras, aqui ocorre uma personalização de campanhas de marketing para melhor atender públicos específicos de acordo com sua localidade.

Isso aumenta a identificação desse público com a campanha e traz seus reflexos no resultado. Assertividade igual a desempenho, isso é regra!

Como funciona o marketing regionalizado na internet?

No marketing digital, o conceito de marketing regionalizado é um pouco diferente do tradicional. Nesse meio, ele é compreendido como estratégia de trabalhar com palavra-chave regionalizada e cauda longa que contenham a localização.

Ou seja, em projetos de SEO, otimização para site de buscas, o foco é posicionar conteúdos nos quais a região de atendimento está bem definida. Por exemplo, “cabeleireiro na zona norte de são paulo” ou “mecânico no centro de curitiba”.

Isso acontece para aumentar a assertividade da estratégia ao atingir o público que realmente está dentro da área de atendimento do seu negócio.

Afinal, se seu comércio ou empresa atende só em uma região específica de nada vai adiantar conseguir leads de outra cidade do país, não é mesmo?

Também é possível trabalhar com regionalização em ferramentas de anúncios de redes sociais. Nessas plataformas, você pode determinar de qual região são os usuários que seus anúncios vão atingir.

Assim, as campanhas e anúncios se tornam mais assertivos e você não desperdiça tempo nem dinheiro com públicos que não interessam.

Quais cuidados você precisa ter para investir nesta estratégia?

Quando se trabalha com regionalização de marketing é preciso estar atento à persona na escolha da palavra-chave regionalizada. Entenda suas características, os termos que os usuários costumam usar para fazer uma busca sobre seu produto/serviço e assim por diante.

Quanto mais informações tiver, melhores são seus resultados. Pois a assertividade dessas campanhas é aumentada significativamente.

Isso também vale para campanhas em redes sociais. Nessas plataformas, as próprias ferramentas de anúncios podem ser alimentadas com informações para atingir públicos cada vez mais específicos.

Além disso, a parte criativa de sua campanha também precisa acompanhar a regionalização. Todas as copys e artes usadas devem respeitar a linguagem e as referências da região alvo.

O marketing regionalizado se aplica a qualquer segmento?

Para começar a apostar em marketing regionalizado é necessário analisar pontos como:

  • Área de atuação da empresa;
  • Produto ou serviço comercializado;
  • Linguagem e necessidades do público;
  • Qual a intenção da marca.

A partir disso, você precisa entender se o seu negócio pode suprir as necessidades de determinada região. Assim pode propor mais que uma compra, chega a ser uma solução para as pessoas.

Se seu negócio cumprir com esses quesitos e propósitos, a resposta é sim, você se aplica à estratégia. Agora pode escolher a melhor palavra-chave regionalizada para começar a trabalhar.

Caso contrário, o sucesso tende a ser incerto, imprevisível e improvável, porque, acima de tudo, regionalizar significa assertividade.

Então se for para não ser assertivo, não gaste seus investimentos, seja tempo, dinheiro ou mão de obra para o trabalho.

Aproveite os resultados da estratégia na sua empresa

Se você leu o conteúdo aqui, ficou claro para você a diferença que o marketing regionalizado pode fazer nos resultados da sua empresa.

Porém, lembre-se, entenda muito bem o cenário do seu negócio e da região em que ele está inserido para que nada seja jogado fora. Só assim a estratégia pode funcionar de forma inteligente e eficaz.

E para te ajudar a entender mais do seu negócio, temos vários conteúdos que te apoiam nessa jornada.

Gostou do material e quer saber mais sobre marketing, vendas e gestão? Continue acompanhando o blog Ideal Marketing e se inscreva na nossa newsletter.

Para saber mais sobre o assunto, acesse os links e descubra:

Se destaque na maior vitrine de vendas do mundo com o posicionamento regionalizado

Não perca mais nenhuma oportunidade de negócio com o SEO regionalizado