Aprenda como se define cultura organizacional de um empreendimento

//Aprenda como se define cultura organizacional de um empreendimento

Por: | Publicado: 25 de outubro de 2018 | Atualizado: 26 de outubro de 2018.

O modo como se define cultura organizacional de uma empresa vai bem além da criação de “missão, visão e valores”. Aprenda como a cultura de uma empresa pode ser desenvolvida a partir dos conceitos de grandes referências em gestão de pessoas.

Não é segredo que a maioria das empresas possuem alguma definição para sua cultura organizacional, independente do tamanho das empresas.

Isso porque cada vez mais os gestores têm entendido como a cultura da empresa pode ser um ótimo fator para agregar a imagem da marca, mas também para o engajamento de funcionários.

Sendo assim, cada vez mais marcas tem se dedicado a desenvolver uma cultura da empresa para poder absorver dos benefícios dessa estratégia.

Além disso, se antes de saber como se define cultura organizacional você quiser entender melhor sobre ela, temos um conteúdo completo falando sobre o que é cultura organizacional.

O modo como se define cultura organizacional pode variar de empresa para empresa, mas existem algumas dicas e preceitos citados por especialistas em gestão de pessoas que podem ser um guia para quem deseja criar a cultura organizacional de uma empresa.

Por isso, desenvolvemos esses preceitos nos seguintes tópicos:

A importância de saber como se define cultura organizacional

A cultura organizacional é o que vai definir como sua empresa se posiciona no mercado, é a partir dela que clientes e funcionários podem encontrar algo com o qual se identificar.

No caso dos clientes, a cultura pode ser o fator decisivo para escolher entre sua marca e uma concorrente, por exemplo.

Já na situação dos funcionários, se ele acreditar no que sua marca propaga, as chances de ele ser mais dedicado são maiores, já que ele se empenha por algo que também é uma crença comum para ele.

Por isso, seja do ponto de vista de vendas ou produção, a cultura organizacional é muito relevante para criar o elo emocional entre marca e as pessoas, não sendo somente um produto como qualquer outro.

Um bom exemplo de cultura organizacional está dentro do mercado de cosméticos, vamos supor que a marca A faça testes em animais e a marca B não.

É um simples ato que pode levar as pessoas a se interessarem pela marca com objetivos pessoais ou profissionais.

Por isso, não tenha receio em se posicionar, pesquise pelo que realmente representa sua empresa.

Mas nós já vamos te ajudar a entender como se define cultura organizacional a partir do próximo tópico, okay?

Tipos de cultura organizacional

O escritor norte americano Arthur Carmazzi dividiu modelos de cultura organizacional em cinco tipos, a partir deles é possível que você possa compreender como se define cultura organizacional e assim desenvolver a de sua empresa.

Então, conheça agora os tipos de cultura organizacional criados por Carmazzi.

Cultura da culpa

Nesse caso de cultura organizacional, os funcionários não se identificam com a cultura da empresa.

Sendo assim, eles culpam uns aos outros pelos resultados abaixo do esperado, não existe trabalho em equipe e muito menos engajamento de funcionários.

Claro, que não significa que a cultura da empresa prega isso, mas sim o modo de comportamento dentro da empresa frente à cultura estabelecida.

Cultura multidirecional

Esse tipo de cultura organizacional sofre com as separações e falta de interação entre os departamentos de empresas.

As famosas “panelinhas”. Ou seja, dentro de um grupo pode ser que as coisas corram bem, mas em outro, pode ser que não.

Então é possível que se houvesse mais compartilhamento entre ambos, os dois grupos estivessem em boas condições que automaticamente melhora os resultados de toda a empresa e gera benefícios para todos.

Cultura viva e deixe viver

Já neste tipo de cultura organizacional a empresa não se atenta a ouvir os funcionários, tampouco os funcionários se importam de não serem ouvidos.

Os dois lados estão estagnados e não vêem uma oportunidade de crescimento a frente. Claro que o engajamentos de funcionários é baixíssimo.

O que com certeza tem reflexo direto nos resultados, já que os funcionários não se importam de se empenharem em suas funções.

Cultura que respeita a marca

Aqui funcionários e empresa andam de mãos dadas. Isso porque, os funcionários acreditam na marca e no serviço prestado por ela.

Sendo assim, se dedicam para oferecer sempre o melhor de si e ainda agregar cada vez mais valor as crenças da empresa.

Neste tipo de cultura organizacional é comum que os funcionários sejam uma parte ativa das decisões que são tomadas em suas áreas, assim todos ficam cientes dos objetivos do grupo e do peso de seu trabalho na equipe.

Cultura da liderança enriquecida

Aqui mesmo que a ligação não seja direta com a marca, os funcionários estão alinhados com seus líderes.

Mais do que chefes, neste tipo de cultura da empresa, os superiores se sentam ao lado dos funcionários para ouvi-los.

Além disso, os colaboradores costumam ser eficientes já que se conectam com os objetivos do líder, que se conecta com a empresa, criando um ciclo de empenho entre as partes.

Claro que a essa altura você já está se questionando: Afinal, como se define cultura organizacional?

Mas fique tranquilo, agora que você já viu alguns tipos existentes de cultura da empresa, veja enfim como se define cultura organizacional no próximo tópico.

Como se define cultura organizacional

Agora que você já sabe da importância da cultura da empresa e conheceu alguns tipos, podemos apresentar os preceitos de como se define cultura organizacional.

O autor Edson Rigonatti, mentor/conselheiro de muitas empresa separou algumas perguntas que a empresa deve responder para entender como se define cultura organizacional.

Não são perguntas que definem sua cultura, mas é a partir das respostas dela, que os gestores podem começar a desenhar o que virá a se tornar a cultura da empresa.

Elas são:

  • Nossa cultura (empresa) é missionária ou mercenária? Nosso objetivo é só ganhar dinheiro, ou também ser eficiente?
  • Os processos dentro de nossa empresa são feitos de modo estruturado ou flexível? Existe um modelo para tudo ou os funcionários podem realizar as tarefas como preferirem?
  • Nós vamos pensar sobre um problema ou executar qualquer possível solução e aprender no caminho?
  • Nós damos mais valor a realizar ou delegar?
  • Seremos cautelosos ou correremos riscos?
  • O modo como lidamos com as pessoas será diplomático ou direto?
  • Nós vamos pregar o individualismo ou o trabalho em equipe?
  • Vale mais o que acontece dentro da empresa ou fora dela?

É importante ressaltar que não existe uma cultura organizacional certa ou errada, ela só deve se referir a verdade que realmente guia a empresa.

Então dificilmente as respostas para as questões serão simples, mas é importante absorver o melhor e mais frequente resultado de cada uma delas, para assim alcançar o modo certo de como se define cultura organizacional.

Mas tem só mais um coisinha que você precisa saber e que vamos te falar no próximo tópico.

Cuide da cultura organizacional do seu negócio

É isso mesmo, agora que você já sabe como se define cultura organizacional, pode ser que acredite que uma vez definida ela se torna eterna.

Mas na verdade não é bem assim, muito pelo contrário. Assim como os objetivos das pessoas, sejam funcionários ou clientes mudam, os da empresa também são suscetíveis às mudanças.

E não há nada de errado em mudar a cultura organizacional de uma empresa.

Como falamos, a ideia é que ela realmente acompanhe os pensamentos e objetivos da empresa, logo se eles se alteram, a cultura também pode ser moldada novamente de acordo com as novas metas.

Então além de manter a equipe engajada e alinhada, sua imagem externa também pode se alterar junto com a cultura da empresa.

E se além da cultura, você quiser saber como melhorar processos ou outras dicas, continue acompanhando o conteúdo do Blog Ideal Marketing.

2018-10-26T12:08:53+00:00

Deixar Um Comentário