>>Conquiste mais clientes com a produção de conteúdo para as etapas do funil de vendas!

Conquiste mais clientes com a produção de conteúdo para as etapas do funil de vendas!

Publicado: 12 de junho de 2019 | Por: | Atualizado: 12 de fevereiro de 2020.

Investir na produção de conteúdo para as etapas do funil de vendas é essencial para conquistar mais clientes e se tornar referência no mercado. Só quem entende a necessidade de cada lead consegue atender suas expectativas e gerar valor para a sua marca.

Se você quer ser assertivo em suas estratégias de Inbound Marketing, você precisa entender como fazer a produção de conteúdo para as etapas do funil de vendas a fim de educar o seu mercado e proporcionar um atendimento diferenciado a ele.

Tão importante quanto o desenvolvimento da sua persona, com essa estratégia é possível dar um suporte correto aos possíveis clientes durante o seu caminho até a tomada de decisão.

Isso é necessário porque cada consumidor pode estar em um momento diferente da jornada de compra, que possui os seguintes estágios: aprendizado e descoberta; reconhecimento do problema e, por fim, o fechamento do negócio.

Sendo assim, aqui no blog da Ideal Marketing você já viu diversos posts que falam sobre a criação de um funil de vendas e, por isso, vamos virar a nossa atenção para a produção de conteúdo de cada etapa do pipeline.

Já preparou o papel e a caneta? Então anote todas as informações que vamos te passar aqui!

E-book - Como revolucionar suas vendas com inbound marketing

Entenda como deve ser a produção de conteúdo para cada etapa do funil de vendas

Entenda como deve ser a produção de conteúdo para cada etapa do funil de vendas

Você bem sabe que o funil de vendas é dividido em três etapas: Topo (ToFu), Meio (MoFu) e Fundo (BoFu).

E entender como fazer a produção de conteúdo específico para cada uma dessas etapas é fundamental para o sucesso do seu empreendimento com o Inbound Marketing.

Mas como fazer isso? Te explicamos:

No Topo de Funil, a sua principal função é atrair e educar potenciais clientes, enquanto o Meio de Funil serve para nutrir esses Leads até que cheguem no momento da compra.

A partir daí, você deve investir de forma pesada na produção de conteúdos de qualidade e de cunho informativo para aplicar no Fundo de Funil.

Ainda está um pouco confuso? Então entenda agora como deve ser a produção de conteúdo para cada etapa do funil de vendas!

A produção de conteúdo para o Topo de Funil

Para refrescar a memória, o Topo de Funil é a primeira etapa do funil de vendas. É aqui que o seu site ou blog começa a receber visitantes que precisam ter o interesse despertado pelos seus produtos ou serviços.

Por isso, no Topo de Funil é essencial que você eduque esses visitantes para que eles se tornem clientes do seu negócio em um futuro bem próximo.

Como aqui ocorre o primeiro contato com o seu empreendimento, é preciso causar uma boa primeira impressão.

Ou seja, por que não voltar a atenção de todos esses usuários para problemas que muitas vezes nem sabem que estão enfrentando?

Desse modo, você consegue captar o interesse deles pelo seu negócio e ainda terá a oportunidade de educá-los de modo a fazer com que eles entendam o valor do seu produto para solucionar os seus problemas.

Para tanto, você precisa investir na produção de conteúdos que abordem temas mais amplos, com uma linguagem que seja fácil de ser entendida.

Sendo assim, você não pode falar sobre a sua empresa e os seus produtos ou serviços nesse primeiro momento.

Em vez disso, você deve oferecer a estes visitantes um conteúdo voltado para a sua área de atuação, pois eles são fundamentais para a geração de mais leads e, por isso, eles devem ser criados com calma e com a qualidade que essas pessoas esperam.

Assim, você mostra para ele que o seu negócio domina o segmento do qual está inserido.

Faça publicações no seu blog

O blog é um canal fundamental para quem quer gerar mais leads e oportunidades de negócio para a sua empresa.

De modo geral, para atrair a atenção de um usuário, um conteúdo de blog de Topo de Funil deve ter um título atraente e que esteja relacionado a temas de uma forma geral, como:

  • Tudo sobre Marketing Digital;
  • O que o Marketing de Conteúdo pode fazer para o seu negócio?.

Isso porque nele você irá educar o seu público ao mesmo tempo que consegue as informações de contato desses usuários com um formulário, por exemplo.

Mas para tanto, não se esqueça de investir na produção de conteúdos mais ricos, como ebooks e whitepapers para oferecer em troca desses dados, pois o visitante só vai preencher os campos se ganhar algo em troca com isso.

Compartilhe informações nas redes sociais

Hoje, as redes sociais são um canal perfeito para você conseguir atrair diversos públicos para a sua empresa.

E, acredite se quiser, mas com certeza a maioria dos seus clientes estão presentes em pelo menos uma delas.

Por isso, é importante que você conheça os canais que a sua persona está presente para direcionar seus esforços a uma audiência com potencial interesse no seu negócio.

Assim, você tem a liberdade investir na produção de conteúdo para as etapas do funil de vendas diretamente no Facebook ou Twitter, por exemplo, assim como compartilhar os presentes em outras plataformas, como é o caso dos blogs.

Os conteúdos para o Meio de Funil

Após conseguir atrair visitantes para o seu site com conteúdos voltados para o Topo de Funil, chegou o momento de ir para o próximo estágio do funil de vendas: o Meio de Funil.

Nesse momento, você pode começar a ajudar seus leads a reconhecer seu problema e ajudá-los a considerar a melhor solução para eles.

Isso porque o MoFu é o estágio intermediário do funil de vendas e deve ser trabalhado adequadamente a fim de fazer com que os seus clientes não desistam do seu negócio na metade do caminho.

Para deixar a sua cabeça bem fresca, vale lembrar que o Meio de Funil de vendas demonstra que o potencial cliente ainda está indeciso quanto a contratar o seu serviço.

Por isso, você deve continuar nutrindo os seus potenciais clientes até que eles sejam conduzidos para o momento da venda.

Portanto, a produção de conteúdo deve ter uma linguagem mais “prática”, mas ainda precisam repassar para esses leads o conhecimento necessário e gere valor para eles.

De forma geral, os conteúdos criados para o Meio de Funil devem sanar todas as dúvidas dos seus potenciais consumidores.

Abaixo, veja um exemplo de conteúdo que voltado para o Meio de Funil, assim você consegue ter um melhor direcionamento de como saber criar funil de vendas.

Templates

Basicamente, os templates são modelos já prontos para serem utilizados em planilhas, apresentações, entre outros contextos que facilitem o funcionamento de determinada tarefa.

Para o Meio de Funil, os templates são uma ótima pedida, pois essa é uma forma de você ajudar o seu lead a começar a solucionar o seu problema.

Então, produza modelos de planilhas, etiquetas ou algo que tenha a ver com a sua área de atuação a fim de ajudar o seu potencial cliente a confiar na capacidade da sua empresa de resolver a sua questão.

A produção do conteúdo para o Fundo de Funil

Você atraiu e despertou o interesse de visitantes para o seu blog ou site no Topo de Funil, além de ter mostrado como você pode ter a solução para o problema deles no Meio de Funil.

Como você está investindo na produção de conteúdo de qualidade, vamos para o próximo estágio do funil de vendas: o Fundo de Funil.

Isso significa que é o momento de tornar aquele lead em cliente!

Então, você precisa colocar seus esforços na produção de conteúdo que fale como seu produto é ideal para determinados problemas, pois assim os leads conseguem ter claro o seu valor.

Dessa forma, como os potenciais clientes que chegam até o BoFu já compreendem o problema que estão enfrentando e sabem do que se trata o seu negócio, é necessário focar em estratégias que mostrem que os seus produtos ou serviços são as melhores opções para ele.

Aqui, você pode produzir em menos quantidades, mas com uma linguagem extremamente focada para a venda, uma vez que todos estão prontos para a compra.

Por isso, quando um lead chegar a este estágio, tente responder as seguintes questões para ele:

  1. Como esse serviço funciona?
  2. Por que comprar esse produto?
  3. Qual o custo x benefício que encontro adquirindo este produto ou serviço?

Para responder essas e outras perguntas, você pode ter o auxílio total da equipe de vendas, que também pode ajudar na produção dos materiais.

Sendo assim, veja abaixo exemplos de conteúdos que você pode produzir no Fundo de Funil:

Catálogo dos seus produtos e serviços

O catálogo é um conteúdo bastante útil e perfeito para quem quer saber como criar funil de vendas.

Para ter uma noção, os catálogos são como listas que organizam os produtos ou os serviços oferecidos pelo seu empreendimento.

Neles, você pode colocar fotos e descrições que sejam relevantes para o seu público, além do preço, claro.

Para que a disseminação seja facilitada, você pode disponibilizá-los em uma Landing Page.

Avaliações gratuitas

É sempre bom contar com a opinião de especialistas para conversar com os seus potenciais clientes ou consumidores, por isso oferecer avaliações gratuitas e conversas com profissionais especializados em um determinado assunto pode criar uma boa relação entre você e o seu cliente.

O tempo que você investirá nisso pode ser muito curto: em somente 30 minutos, você é capaz de realizar um trabalho com cada lead qualificado.

No entanto, é importante ressaltar que não é interessante difundir a venda do seu produto, mas sim ajudar o lead a resolver o seu problema.

Aposte no Inbound Marketing para converter mais com a produção de conteúdo!

Quando falamos em produção de conteúdo para as etapas do funil de vendas, estamos falando também em trabalhar mais e melhor o Inbound Marketing.

Como hoje as empresas querem ser encontradas pelos seus clientes, aliar o funil de vendas com outras práticas do Inbound Marketing pode ser um bom negócio.

Isso porque o funil de vendas é o pilar que sustenta a jornada do consumidor, do primeiro contato dele com a sua empresa até o momento em que ele decide fazer negócio com você.

Por esse motivo, abusar do Inbound Marketing na hora da criação de conteúdos para cada etapa do funil de vendas é importante, pois o seu foco é a educação do mercado.

Dessa forma, todas as outras estratégias dessa metodologia vão seguir esse princípio, potencializando seus resultados e passando mais confiança para o seu público.

Isso porque eles enxergarão a sua empresa como referência no setor em que atua, realmente preocupada em ajudá-los a resolver o seus problemas.

E isso significa dizer que o sucesso da sua empresa vai muito além de ter produtos ou serviços a preços acessíveis e ótimas promoções.

Ou seja, o Inbound Marketing faz a sua marca se aproximar do cliente, potencializando resultados e diminuindo custos.

Invista na produção de conteúdo para as etapas do funil de vendas e potencialize seus resultados!

Invista na produção de conteúdo para as etapas do funil de vendas e potencialize seus resultados!

Você viu nesse conteúdo a importância de criar bons materiais para conduzir os seus clientes em todas as etapas do funil de vendas, que pode ser dividido em:

  • Topo de Funil – Atração;
  • Meio de Funil – Nutrição;
  • Fundo de Funil – Conversão.

Cada uma dessas etapas possui um conteúdo específico que melhor se adequa ao momento dos seus leads.

Por isso, conhecê-los é extremamente fundamental para direcionar o assunto correto para fazer com que o desejo de comprar os seus produtos ou serviço seja despertado.

Portanto, não deixe de investir nas técnicas que o Inbound Marketing pode trazer para ajudar você a criar funil de vendas.

Quer fazer bons negócios? Então entenda como o Inbound Marketing pode ser útil para revolucionar as suas vendas.

E-book - Como crescer sua empresa com marketing digital
2020-02-12T13:24:44-03:00

Deixar Um Comentário

Diagnóstico Gratuito do seu Marketing Conheça a Plataforma Ideal Marketing