Marketing de conteúdo: por que apostar nessa estratégia?

Ícone Ideal Marketing

Por:

Publicado: 30 de junho de 2022 | Atualizado: 30 de junho de 2022.

O universo digital possibilita o acesso a diversas estratégias de vendas, mas o marketing de conteúdo é sem dúvida a mais falada dos últimos tempos. Vem conhecer com a gente um pouco mais sobre este assunto:

O que é o marketing de conteúdo?

É uma estratégia de marketing que tem como base a entrega de conteúdos de valor (aqueles bem relevantes, que normalmente solucionam algum problema) para o público-alvo no momento em que ele mais precisa, é, basicamente, sobre estar no lugar certo, na hora certa.

O marketing de conteúdo busca envolver e engajar seu público até que ele se torne cliente, tudo isso através de materiais que farão a diferença na vida de quem os lê. Essa troca com as pessoas gera confiança, autoridade de marca e, consequentemente, tem a capacidade de converter clientes.

Qual o diferencial dessa estratégia?

O ponto principal é que no marketing o foco é a resolução de problemas que o seu público-alvo pode ter. Isso acontece porque essa estratégia busca criar um relacionamento com as pessoas e é essa proximidade que gera o interesse de compra. 

Ao invés de uma marca buscar ativamente pelo seu cliente, ela faz com que as pessoas venham até ela por conta do seu material relevante. Por essa característica marcante, o marketing de conteúdo pode servir para vários propósitos dentro de uma empresa:

  • Posicionamento de marca, para deixar claro como sua marca atua, o que vende e como soluciona os problemas;
  • Gerar autoridade, buscando ser referência na área em que está inserida;
  • Ser encontrada por clientes em potencial, através da entrega de conteúdos de valor através de sites/blogs e redes sociais;
  • Aumentar sua receita, levando seu público-alvo através do funil de vendas até que a compra seja consolidada;
  • Nutrir sua base de leads, através da entrega de um e-mail marketing realmente interessante;
  • Melhorar a experiência de pós-venda, através de um conteúdo direcionado para o cliente que realizou a compra. Pode ser um e-mail marketing ou até fluxo de mensagens pelo WhatsApp, isso irá demonstrar como sua marca se importa com as pessoas que passaram por lá.

Como colocar o marketing de conteúdo em prática?

Por ser uma estratégia completa, o processo de utilização requer atenção aos detalhes, uma vez que os conteúdos de valor precisam atingir seu público independente da etapa do funil em que ele se encontra. A gente te conta um pouquinho sobre esse processo:

Comece pelo plano de marketing

Essa ferramenta busca reunir todas as informações relevantes sobre o seu negócio e  existem alguns pontos indispensáveis para um bom plano de marketing:

  • Análise swot: uma tática de estudo que busca listar as fraquezas e forças, internas e externas da sua empresa, mostrando quais pontos merecem mais ou menos atenção;
  • Funil de vendas: uma ferramenta que te ajuda a mapear o caminho que seus clientes irão fazer até chegar a compra;
  • Desenvolvimento de personas: é a personificação do seu público-alvo (buyer persona) e da sua empresa (brand persona). Esse ponto busca dar voz emocional aos dados e nos ajuda a ter uma visão mais empática sobre os pontos analisados;
  • Escolha do posicionamento da marca: aqui, você define como deseja que sua marca seja percebida pelo público;
  • Canais a serem trabalhados: defina de acordo com a persona se os conteúdos de valor serão trabalhados nas redes sociais, pelo blog, e-mail marketing ou até landing page, isso vai depender de onde seus potenciais clientes estão.

Quer aprender mais detalhes sobre a composição do plano de marketing? É só clicar aqui.

Agora você já pode seguir para a criação do seu plano tático que, nesse caso, é o plano de pautas voltado ao marketing de conteúdo. 

Defina a pauta de conteúdos

Os conteúdos entregues ao público precisam fazer sentido para quem os recebe. Por isso, é muito importante ficar por dentro do que está acontecendo no universo em que sua persona vive, só assim você conseguirá reconhecer os problemas dela e pensar em soluções a serem ofertadas através do seu planejamento de marketing de conteúdo.

É hora de utilizar tudo o que você escreveu no plano de marketing, reconheça cada etapa do funil de vendas e crie conteúdos de acordo com o que interessa para o seu público-alvo. Depois, distribua-os em uma sequência que faça sentido com a jornada do seu cliente pelo funil de vendas e comece a colocar suas ideias no ar. Quer saber mais sobre essa parte do processo? Leia aqui

Por fim, analise os resultados da sua estratégia de marketing de conteúdo 

Esse é o momento de olhar friamente para o seu planejamento e descobrir o que funcionou na sua estratégia, quais os leads gerados, em qual etapa do funil teve mais resultados e outros dados importantes para continuar utilizando do marketing de conteúdo. 

Essa análise geral irá fazer com que você construa conteúdos que tragam ainda mais resultados positivos para o seu negócio, vale a pena dedicar um bom tempo para realizá-la.