7 Principais erros que a sua empresa comete ao fazer o marketplace

Ícone Ideal Marketing

Por:

Publicado: 19 de março de 2019 | Atualizado: 27 de fevereiro de 2023.

O que há décadas representava o futuro, hoje é o presente. A internet era a promessa de empresários nos anos 90, além de aumentar o número de vendas, daria mais comodidade para os consumidores.

Está sem tempo de ler agora? Baixe este conteúdo e acesse offline

Atualmente, o comércio eletrônico se tornou realidade na vida das pessoas, principalmente com as lojas virtuais do tipo marketplace, que disponibiliza aos consumidores um cardápio gigante de produtos com diferentes preços e condições.

Entretanto, muitas empresas cometem graves erros nessas plataformas, o que pode significar o insucesso do seu negócio.

Um marketplace eficiente representa o aumento imediato de vendas e por isso, veja os maiores erros e dicas de reverter essa má situação.

O que significa marketplace?

O marketplace é um tipo de “shopping virtual”, onde empresas oferecem e concorrem pelo mesmo produto em diferentes condições.

Nesse ambiente, o preço não é o único fator que decide uma comercialização. Existem outras condições que são indispensáveis para conseguir ter um produto mais atrativo no mercado.

Como se trata de uma dura concorrência, fatores como o frete, estoque e vantagens adicionais importam e muito para um cliente se interessar na compra.

Por isso, um marketplace de serviços ou produtos deve ter uma estrutura bem feita, com informações claras e corretas sobre o que você está vendendo.

A plataforma funciona da seguinte forma: os vendedores anunciam gratuitamente em um local já pronto para venda, pagando uma taxa por cada transação.

O principal destaque do marketplace é que o vendedor não precisa criar um ambiente próprio para venda. Ou seja: as condições de pagamento e opções de logística não seriam problema.

Erros dos vendedores

7 Principais erros que a sua empresa comete ao fazer o marketplace

O crescimento do marketplace no Brasil é evidente. Um estudo da Precifica, empresa especialista em monitoramento de preços no e-commerce, mostra que houve um aumento de 90,7% das lojas do tipo marketplace, com faturamento de R$ 73 bilhões no ano passado.

Pela gama de oportunidades que existe nesta plataforma muitos empreendedores querem entrar de cabeça no segmento, mas, marketplace é bom para quem sabe trabalhar, e os vendedores que cometem deslizes terão problemas de como vender. Os principais são:

Cadastro errado

Um anúncio que traz informações genéricas e erradas podem prejudicar bastante a sua vida no marketplace. Além de diminuir a taxa de conversão do seu produto, pode induzir o cliente ao erro, causando problemas na justiça;

Imagens

Muitas fotos dos anúncios feitas por quem trabalha no marketplace são de péssima qualidade. Além disso, boa parte é tirada da internet, algo que pode induzir o cliente a comprar algo que não esteja dentro da expectativa, lesando o comprador, podendo resultar novamente em questões judiciais;

Categorias

Outro grave erro no cadastro na plataforma é a categoria. Existem vendedores que colocam anúncios de smartphones na categoria de brinquedos. Nada a ver, né? Essa gafe é comum, isso aumenta a dificuldade para o consumidor encontrar o produto e causando uma queda na taxa de conversão;

Frete

No marketplace tem de tudo, principalmente no marketplace b2b, no qual, pessoas de todo o país se interessam por determinados produtos como maquinário industrial. A distância é crucial para o preço do produto e muita gente erra feio em não calcular o frete, causando baixas conversões em vendas, pelo indefinido preço do transporte;

Preços

O principal benefício para o consumidor que compra no marketplace digital é a competitividade de preços. Por outro lado, as empresas buscam ter uma boa margem de lucro que, muitas vezes, acabam errando em colocar um preço alto no produto. Os consumidores são claros, querem o melhor produto, pelo menor preço;

Baixa variedade

Entrar no marketplace com um baixo catálogo de produtos pode ser muito problemático. Quanto menor for a quantidade, mais baixas serão as chances de ser encontrado e ter sucesso na plataforma;

Reputação

Vendedores que tenham baixa aprovação na plataforma vão afugentar os clientes, sendo a situação de muitos destes profissionais. Isso representa a morte do seu negócio no marketplace, com baixa conversão em vendas, dificuldade em ser encontrado nos buscadores e críticas negativas da sua loja na aba de comentários.

Como resolver?

7 Principais erros que a sua empresa comete ao fazer o marketplace

Tanto o mercado B2C quanto o marketplace B2B são exigentes no quesito qualidade dos produtos. Para ser referência neste segmento é necessário seguir esses passos:

No cadastro: Sempre coloque informações corretas e detalhadas sobre o seu produto. Tenha atenção com os títulos de até 60 caracteres e as descrições do seu anúncio com dados bem detalhados das especificações e das condições de venda. Isso faz o seu anúncio ser mais confiável;

Foto de capa: Na imagem, tire uma foto com resolução mínima de 400×400 pixels. Esses detalhes são importantes em um marketplace de nicho por exemplo, que o cliente conhece muito bem o produto que querem comprar;

Categorias: Colocar corretamente a categorização dos produtos facilita que seja achado nos mecanismos de busca e aumenta as taxas de conversão. Dica, veja qual a categoria que os seus concorrentes colocaram;

Preço: quando se fala em preço, é fundamental saber o que a concorrência está fazendo. Como é alta a competitividade no marketplace loja virtual, veja as condições que eles oferecem e escolha alguns produtos para ofertá-los com maior atratividade para ter uma conversão;

Frete: deixe claro e bem cadastrado o frete, pois isso vai decidir muitas vendas. Isso pode ser uma alternativa de regionalizar o produto, caso não queira vender para todo o país, aumentando a taxa de conversão e na segmentação do seus clientes;

Variedade: Tenha um grande catálogo de produtos e use a dica do tópico “preço” acima, escolha produtos específicos, principalmente os carros chefe para oferecer preços agressivos e ter um maior sucesso no marketplace loja virtual;

Reputação: O bom atendimento e a clareza nas informações vão ajudar a melhorar sua reputação dentro do marketplace. O consumidor leva em consideração todo o processo de compra na hora de avaliar seu produto, então, faça ofereça o melhor.

E-book Ideal Marketing para atrair clientes e aumentar o faturamento da empresa

Conclusão

Sendo uma alternativa de aumento nas vendas, o marketplace vale a pena. Para entrar nesse segmento, o vendedor deve ter cuidado para não cometer esses erros aparentemente simples, mas que trazem péssimas consequências nos seus resultados.

Para uma vida longa no marketplace loja virtual, essas dicas serão positivas no aumento da relevância e na taxa de conversão do seu negócio.

Sucesso!

Você gostou deste tema? Tem alguma dúvida sobre o assunto? Deixe o seu comentário abaixo ou entre em contato conosco!

Conteúdo produzido pela equipe do Soluções Industriais.

Compartilhe nas Redes Sociais!